RON WYATT


Ronald Eldon Wyatt (1933-199)  foi um arqueólogo bíblico amador, que ficou mundialmente conhecido por seus projetos envolvendo a busca pela Arca da Aliança, a Arca de Noé, a Rota do Êxodo e as cidades de Sodoma e Gomorra.Viveu a maior parte de sua vida nos arredores de Nashville, Tennessee e sempre foi apaixonado pela arqueologia bíblica. Dedicou aproximadamente 20 anos de sua vida em busca de descobertas arqueológicas que comprovariam os relatos bíblicos. Ficou conhecido por seu descobrimento da Arca de Noé na Região dos Montes de Ararate, na Turquia. Através dos anos Ron continuou escavando distintos sítios arqueológicos, que atestam que as histórias narradas no Antigo e Novo Testamento da Bíblia são verdadeiras.
Entre seus achados figuram o descobrimento dos restos das cidades Sodoma e Gomorra, as Provas do Êxodo (Travessia do Mar Vermelho), cujos vídeos mostram partes de carruagens do exército do Faraó sob o mar e colunas eretas pelo rei Salomão, 400 anos depois, para comemorar o feito. O verdadeiro Monte Sinai, com a rocha que Moisés partiu para que fluísse a água quando os israelitas estiveram a ponto de morrer de sede, além de outras 19 referências do monte Sinai, que se nomeiam na Bíblia. Uma de suas últimas escavações levou Ron Wyatt a descobrir o Arca da Aliança, que está relacionada ao verdadeiro lugar da crucificação de Cristo. Este descobrimento incluía a surpreendente descoberta de sangue seco, que quando foi analisado, resultou ser como nenhum outro sangue humano. O sangue do próprio Filho de Deus!
James Irwin, astronauta do Apollo 15, oitavo homem a pisar na lua e ávido caçador da Arca de Noé esteve com Wyatt no sítio arqueológico onde está localizada a Arca. O governo da Turquia reconheceu oficialmente que ali repousavam os restos da Arca e criou o Parque Nacional da Arca de Noé. Expedições posteriores comprovaram algumas das descobertas de Ron. Arqueólogos e renomados pesquisadores que reconhecem suas descobertas: Dra. Viveka Pontén, Dr. Jonathan Gray, Penny Caldwell, Bob Cornuke, Larry Williams, Dr. Ebba M. During, os egiptologistas Dr. Manfred Bietak e Prof. Ken Kitchen.

15 comentários:

  1. Muito linda a história deste nosso irmão em Cristo, Deus o honrrou em poder chegar perto da arca da alinaça, de poder ver pedaços da arca de Noé, e as rodas dos carros de faraó, quero dizer que creio nisto de todo meu coraçao com todas as minhas forças,pois creio na santa, infalivel e imutavel palavra de Deus, mas quero dizer que mesmo que não houvessse nenhuma descoberta que comprovasse isso ainda assim eu continuaria crendo de todo meu coração com todas as minhas forças na santa palavra de Deus que por sí só já é autosuficiente, sou daqueles que creem não pelo que vê ou sente mas pela fé na verdade que liberta a palavra viva do Deus vivo, Senhor Jeová dos Exercitos de Israel, Aleluia !
    Pastor José Barbosa de Assis

    ResponderExcluir
  2. Parece que tem uma edição da revista adventista, dizendo que ele é mentiroso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e a Revista Adventista é autoridade no que em arqueologia? Quantos sítios arqueológicos os adventistas escavaram?? Quais as "descobertas" dos arqueólogos adventistas???

      Excluir
    2. Cara, tudo que ele descobriu foi averiguado e realmente está lá! Ron é um homem honrado morreu pobre e renegado pela mídia secular..

      Excluir
  3. Ron Wyatt frequentou a igreja adventista, porém depois parou de frequentá-la para seguir o verdadeiro evangelho de Jesus Cristo e a verdadeira igreja, aquela que Jesus fundou e não tem placa, cnpj , conta bancária e nem um conglomerado de empresas...sem apoio de nenhuma igreja e praticamente sem recursos, Ron empreendeu suas buscas ....pode ter certeza de que se Ron Wyatt tivesse creditado suas descobertas e o frto delas $$$ a IASD hoje ele seria um grande membro para essa falsa igreja...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  4. Vejam no vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=sepSXKAIdFw ; uma mensagem super recente, de 12/12/2015, onde Jesus confirma que são verdadeiros os achados de Ron, permitidos a ele pela sua fé, amor, fidelidade, honestidade e obediência à Deus. Vejam o vídeo até o fim, pois logo após os comentários da confidente Claire, Jesus fala a respeito de Ron.

    ResponderExcluir
  5. N sei como cheguei a esse senhor... mas vi todos os vídeos e páginas sobre o trabalho dele...e confesso q mexeu com tudo q eu acreditava até hj. Que chegue o dia q tudo seja revelado a toda a humanidade.q o verdadeiro Deus se revele!

    ResponderExcluir
  6. N sei como cheguei a esse senhor... mas vi todos os vídeos e páginas sobre o trabalho dele...e confesso q mexeu com tudo q eu acreditava até hj. Que chegue o dia q tudo seja revelado a toda a humanidade.q o verdadeiro Deus se revele!

    ResponderExcluir
  7. Simplesmente uma vida dedicada a provar o que muitos queriam fazer e pensam em fazer, mas não fazem: Que a Bíblia, a palavra de Deus não é enganosa! Independente da fé que ele professava, deixou-nos um legado!

    ResponderExcluir
  8. O que Ron Wyatt fez foi usar a Biblia como bussola na procura dos achados. Os que o menosprezam são pessoas com dor de ccotovelo por um arqueólogo amador achar mais coisas biblicas do que a soma de todos os arqueólogos profissionais fizeram nos uultimos 50 anos

    ResponderExcluir
  9. Eu enxerguei Deus neste senhor nunca conseguiram refutar ele com veemência.

    ResponderExcluir
  10. Achei muito legal a história da descoberta da arca da aliança, se for verdade!
    O artefato romã alegado que é do templo de Salomão o próprio Museu Israelita, detentor do objeto, depois de analise profunda, já nesse milênio, confirmou que o artefato é antigo, não determinando a data, mas a parte que Wyatt diz que quebrou e deixou parte junto a arca os arqueólogos do museu disseram que a quebra não é recente, bem como as inscrições são modernas.

    ResponderExcluir
  11. Eu creio que Deus mostra aos pequenos para confundir os que se acham grandes , sro. Heitor Ribeiro , o diabo usa pessoas para desmentir o povo de Deus.

    ResponderExcluir